O Primeiro Livro de Adão e Eva 16

Capítulos - O Primeiro Livro de Adão e Eva: 16

O primeiro alvorecer. Adão e Eva pensam que é um fogo vindo para exterminá-los.
1. Depois disso Adão e Eva não pararam de orar e chorar na caverna até que a manhã desceu
sobre eles.
2. E ao ver a luz sendo-lhes devolvida, deixaram de ter medo e fortaleceram seus corações.
3. Então Adão começou a sair da caverna. E quando chegou na boca da caverna, parou e voltou
sua face em direção do leste, viu o sol levantar-se em raios brilhantes e sentiu o seu calor no seu
corpo; teve medo dele e pensou em seu coração que esta chama vinha para castigá-lo.
4. Ele chorou então e golpeou seu peito, e prostou-se com a face na terra e fez seu pedido
dizendo:
5. "Ó senhor, não me castigueis, nem me destruais, nem tireis já minha vida da terra"
6. Pois ele pensou que o sol era Deus.
7. Já que enquanto estava no jardim e ouvia a voz de Deus e o som que Ele fazia no jardim e O

temia, Adão nunca vira a luz brilhante do sol, nem seu calor flamejante tocara seu corpo.
8. Porisso ele ficou com medo do sol quando seus raios ardentes o alcançaram. Ele pensou que
com isto Deus tencionava castigá-lo todos os dias decretados por ele.
9. Pois Adão também disse em seus pensamentos: "Já que Deus não nos castigou com a
escuridão, eis que Ele fez este sol nascer para castigar-nos, queimando-nos com seu calor".
10. Mas, enquanto ele assim pensava no seu coração, a Palavra de Deus veio e lhe disse :
11. "Ó Adão, levanta-te e põe-te em pé. Este sol não é Deus; mas foi criado para iluminar o dia.
Foi o que Eu te falei na caverna dizendo que a aurora irromperia e haveria luz durante o dia.


O Primeiro Livro de Adão e Eva 15 O Primeiro Livro de Adão e Eva 16  O Primeiro Livro de Adão e Eva 17 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Significado do piercing na língua

Como adicionar Gadget e Widget flutuante na barra lateral do Blog

Este gatinho amputado ganhou patas biônicas, e você tem que ver ele andando novamente

13 pessoas que tinham uma tarefa e falharam miseravelmente nela