Evangelho Árabe da Infância de Jesus 18

Capítulos - Evangelho Árabe da Infância de Jesus : 18

Eles consentiram e ela se foi com eles; chegaram a uma cidade onde havia o castelo de um poderoso príncipe; foram até lá e se hospedaram nele. A jovem, aproximando-se da esposa do príncipe, encontrou-a triste, a chorar; então, perguntou-lhe qual a causa daquele pesar. E ela respondeu-lhe: "Não te espantes de me ver entregue à aflição; estou em meio a uma grande calamidade, que eu não ouso contar a ninguém". A jovem tornou: "Se me confessares qual é teu mal, talvez encontres remédio junto a mim". A esposa do príncipe disse-lhe: "Não revelarás este segredo a ninguém. Casei-me com um príncipe cujo império, semelhante a um império de um rei,estende-se por vastos estados, e, após haver vivido por muito tempo com ele, ele não teve de mim nenhum descendente. Finalmente, eu concebi, mas trouxe ao mundo uma criança leprosa; após havê-lo visto, ele não quis reconhecê-lo como seu filho, e me disse: `Mata esta criança ou entrega-a a uma ama que a crie num local tão afastado que jamais voltemos a ouvir dela. E pega o que é teu, pois não te verei nunca mais'. Eis porque me entrego à dor, deplorando a calamidade que sobre mim se abateu, e choro por meu marido e por meu filho". A jovem respondeu-lhe: "Pois não te disse que eu tenho para ti o remédio que te havia prometido? Eu também fui atingida pela lepra, mas fui curada por uma graça de Deus, que é Jesus, o filho de Maria". A mulher perguntou-lhe então onde estava este Deus do qual ela falava. A jovem respondeu-lhe: "Ele está bem aqui, nesta casa." Perguntou a princesa: "Como pode ser isso, onde está ele?". A jovem respondeu: "Aqui estão José e Maria, e a criança que está com eles é Jesus, e foi ele quem me curou dos meus sofrimentos". "E por que meio, disse a mulher, pode ele te curar? Não vais me contar?" A jovem respondeu: "Recebi de sua mãe a água na qual ele havia sido lavado, e espalhei-a então sobre meu corpo, e minha lepra desapareceu". A esposa do príncipe ergueu-se então e recebeu José e Maria, e preparou para José um magnífico festim, para o qual muitas pessoas foram convidadas. No dia seguinte, ela pegou água perfumada a fim de lavar o Senhor Jesus, e ela lavou com esta mesma água o seu filho, que ela havia trazido consigo, e logo ele se curou da lepra. Então, ela pôs-se a cantar louvores a Deus e a render-lhe graças, dizendo-lhe: "Feliz da mãe que te gerou, ó Jesus! A água com a qual o teu corpo foi lavado cura os homens que têm tua natureza." Ela ofereceu presentes a Maria e dela despediu-se, tratando-a com grande deferência.



Evangelho Árabe da Infância de Jesus 17   Evangelho Árabe da Infância de Jesus 18  Evangelho Árabe da Infância de Jesus 19  



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Significado do piercing na língua

Como adicionar Gadget e Widget flutuante na barra lateral do Blog

Este gatinho amputado ganhou patas biônicas, e você tem que ver ele andando novamente

Certa vez perguntaram a Albert Einstein: “Qual é a sensação de ser o homem mais inteligente a estar vivo? A resposta de Einstein foi: “eu não sei, você tem de perguntar ao Nikola Tesla”

13 pessoas que tinham uma tarefa e falharam miseravelmente nela

Arvore