Gênesis 11

Capítulos - Gênesis:
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 1415 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50


Versículos de Gênesis 11 do livro de Gênesis da Bíblia.

A torre de Babel

1 No mundo todo havia apenas uma língua, um só modo de falar.
2 Saindo os homens do Oriente, encontra­ram uma pla­nície em Sine­ar e ali se fixaram.
3 Disseram uns aos outros: "Vamos fazer tijolos e queimá-los bem". Usavam tijolos em lugar de pedras, e piche em vez de argamassa.
4 Depois disseram: "Vamos construir uma cidade, com uma torre que alcance os céus. Assim nosso nome será famoso ­e não seremos espalhados pela face da terra".
5 O Senhor desceu para ver a cidade e a torre que os homens estavam constru­indo.
6 E disse o Senhor: "Eles são um só povo e falam uma só língua, e come­çaram a construir isso. Em breve nada poderá impedir o que planejam fazer­.
7 Venham, desçamos e confundamos a língua que falam, para que não entendam mais uns aos outros".
8 Assim o Senhor os dispersou dali por toda a terra, e pararam de construir a cidade.
9 Por isso foi chamada Babel, porque ali o Senhor confundiu a língua de todo o mun­do. Dali o Senhor os espalhou por toda a terra.

Desde Sem a Abrão

10 Este é o registro da descendência de Sem:
Dois anos depois do Dilúvio, aos 100 anos de idade, Sem gerou Arfaxade.
11 E depois de ter gerado Arfaxade, Sem viveu 500 anos e ge­rou outros filhos e filhas.
12 Aos 35 anos, Arfaxade gerou Salá.
13 De­pois que gerou Salá, Arfaxade viveu 403 anos e gerou outros filhos e filhas.
14 Aos 30 anos, Salá gerou Héber.
15 Depois que gerou Héber, Salá viveu 403 anos e gerou outros filhos e filhas.
16 Aos 34 anos, Héber gerou Pelegue.
17 De­pois que gerou Pele­gue, Héber viveu 430 anos e gerou outros filhos e filhas.
18 Aos 30 anos, Pelegue gerou Reú.
19 De­pois que gerou Reú, Pelegue viveu 209 anos e gerou outros filhos e filhas.
20 Aos 32 anos, Reú gerou Serugue.
21 De­pois que gerou Seru­gue, Reú viveu 207 anos e gerou outros filhos e filhas.
22 Aos 30 anos, Serugue gerou Naor.
23 De­pois que gerou Naor, Serugue viveu 200 anos e gerou outros filhos e filhas.
24 Aos 29 anos, Naor gerou Terá.
25 Depois que gerou Terá, Naor viveu 119 anos e gerou outros filhos e filhas.
26 Aos 70 anos, Terá havia gerado Abrão, Naor e Harã.
27 Esta é a história da família de Terá:
Terá gerou Abrão, Naor e Harã. E Harã gerou Ló.
28 Harã morreu em Ur dos caldeus, sua terra natal, quando ainda vivia Terá, seu pai.
29 Tan­to Abrão como Naor casaram-se. O nome da mulher de Abrão era Sarai, e o nome da mu­lher de Naor era Milca; esta era filha de Harã, pai de Milca e de Iscá.
30 Ora, Sarai era estéril; não tinha filhos.
31 Terá tomou seu filho Abrão, seu neto Ló, filho de Harã, e sua nora Sarai, mulher de seu filho Abrão, e juntos partiram de Ur dos caldeus para Canaã. Mas, ao chegarem a Harã, estabeleceram-se ali.
32 Terá viveu 205 anos e morreu em Harã.
« Gênesis 10 « Gênesis 11 » Gênesis 12 »

Postagens mais visitadas deste blog

Significado do piercing na língua

Como adicionar Gadget e Widget flutuante na barra lateral do Blog

Certa vez perguntaram a Albert Einstein: “Qual é a sensação de ser o homem mais inteligente a estar vivo? A resposta de Einstein foi: “eu não sei, você tem de perguntar ao Nikola Tesla”

Arvore

Botânica